Canais: A Universidade do Porto, Ciências Sociais e Humanidades

Doação do arquivo e acervo pessoal do arquiteto Alfredo Matos Ferreira à FIMS

  • 1226
  • 0

Partilhar: Doação do arquivo e acervo pessoal do arquiteto Alfredo Matos Ferreira à FIMS

Small captura de ecra  2016 12 23  a s 11.13.29

<iframe src='https://tv.up.pt/videos/7c9ked3w/embed?t=0' width='420' height='236' allowfullscreen></iframe>

x Iniciar em

Autor TVU.

Descrição O espólio do arquiteto Alfredo Matos Ferreira foi formalmente doado à Fundação Marques da Silva. Uma doação que permitirá potenciar condições para o estudo e reconhecimento da sua obra em particular.

Os testemunhos de Álvaro Siza, António Menéres, Sergio Fernandez, Mário Brochado Coelho e Joana Matos Ferreira de Sá no dia 20 de dezembro de 2016 na Casa-Atelier José Marques da Silva, homenagearam a figura ímpar de Alfredo Matos Ferreira.

Inauguração da exposição-instalação “Terra d´Alva” - um roteiro desenhado sobre e em diálogo com os espaços da Casa-Atelier por Manuel Mendes para assinalar a doação e apresentar uma primeira mostra, elegendo os trabalhos realizados para Urros e Barca d´Alva, espaço matricial e determinante na sua forma de ser e de estar. Ficará patente ao público na Casa-Atelier José Marques da Silva até 13 de fevereiro de 2017, data em que será lançado o livro Memória.

Intervenientes Isabel Matos Ferreira (Filha do arquiteto)

Entidades FIMS, U.Porto, Reitoria

Localização Fundação Instituto Arq. Marques da Silva

Línguas português

Data 2016-12-20

By nc sa

    Não existem capítulos

  • Notícia Site FIMS - https://fims.up.pt/index.php?cat=6&lang=1

    0:0:0
  • Notícia exposição “Terra d’Alva" - https://fims.up.pt/index.php?cat=46#Terra_de_Alva_1

    0:0:0
  • Alfredo Matos Ferreira (1928-2015), filho de pai médico e mãe pintora, nasceu em Lisboa, mas as suas raízes, por motivos familiares, estão profundamente mergulhadas em Trás-os-Montes, circunstância que decididamente o orienta como pessoa, e lhe marca emoções e afectos, convicções e valores de vida (in Manuel Mendes, “Alfredo Matos Ferreira, artista de ‘sexto sentido’ “). Arquiteto formado pela Escola Superior de Belas Artes do Porto, foi colega de Alberto Neves, António Menéres, Álvaro Siza, Luís Botelho Dias e Joaquim Sampaio, os amigos da “sala 35” da Praça da Liberdade. Colaborou com Arménio Losa entre 1971 e 1972, foi sócio de Fernando Távora no exercício profissional entre 1972 e 1982. O seu percurso arquitetónico estendeu-se por mais de 50 anos. É autor de obra importante, mas pouco conhecida, no quadro da produção arquitetónica portuguesa da segunda metade do século XX. No seu arquivo reúne-se acervo patrimonial-artístico de assinalável valor documental de uma época, duma geração e, mais particularmente, do seu exercício de arquiteto: desenho, modelo, fotografia, filme.

    0:0:0
  • Texto Revista Punkto - http://www.revistapunkto.com/2015/07/alfredo-matos-ferreira-artista-de-sexto_21.html

    0:0:0

    Não existem citações

  • Fundação Instituto Arquitecto Marques da Silva
  • Vice Reitor
  • Reitor
  • UP
  • U.Porto
  • Universidade do Porto
  • Reitoria
  • FIMS
  • Arquitetura

Conteúdos do mesmo Canal